Resumo da Ata da 24ª Sessão Ordinária - 29/05/2019

Presentes no Salão dos Conselheiros no 4º andar da Sede Social, 23 Conselheiros Efetivos e 02 Conselheiros Vitalícios que assinaram a Folha de Presença. O Presidente do Conselho Diretor (CD) abriu a Sessão e determinou ao 1º Secretário que fizesse a leitura da Ata da Sessão anterior (23ª SOCD), que foi aprovada por unanimidade.
Passando à Ordem do Dia, O Presidente do CD convidou o Conselheiro ÍCARO, que passou a palavra ao Conselheiro PADILHA, que, por sua vez, relatou por meio de tabelas os valores da execução orçamentária da SEDE, DECN, DNCN, CABENA, PACN e CHI, referente ao mês de janeiro de 2019. Ao término apresentou o Parecer nº 034/2019, nos seguintes termos: 
“A Comissão de Finanças do Conselho Diretor, com base nos valores e termos da Ata 23 do Conselho Fiscal, na posição dos respectivos índices de liquidez corrente e de solvência da SEDE, da CHI, do PACN, do DECN, do DNCN e da CABENA, considera muito bom o resultado financeiro – disponibilidades acumuladas - no conjunto do Clube Naval. Assim, concorda com a decisão do Conselho Fiscal e propõe a aprovação das contas de todos os Setores do Clube Naval, relativas ao período encerrado em 31 de março de 2019, conforme preceitua o inciso IV do Art. 67 do Estatuto do Clube Naval”.
Não havendo manifestações, o Parecer foi colocado em votação e aprovado por unanimidade.
A seguir o Presidente concedeu a palavra ao Conselheiro ÌCARO, que sintetizou a Proposta Orçamentária que, pela sua complexidade, fora colocada para análise previamente à disposição dos Conselheiros na secretaria do CD.
Após análise, a Comissão de Finanças emitiu o Parecer Nº 035 nos seguintes termos: 
Em decorrência das considerações apresentadas, a Comissão de Finanças do CD é de PARECER que a Proposta Orçamentária e os Mapas de Acompanhamento e Registro das Evoluções Patrimoniais do CN – MAREP, para o exercício de 2019/2020, estão em condições de serem integralmente aprovados pelo CD, em conformidade com o que preceitua o inciso XVI do artigo 67 do Estatuto do CN.
Colocado em discussão manifestaram-se os Conselheiros LUSTOZA, VILHENA e SERGIO relativo ao déficit operacional da CHI, bem como sobre o tratamento mencionado acerca do valor da Nau Capitania. O Presidente colocou em votação uma proposta para alteração do Parecer Nº 035. A proposição foi vencida por maioria. Em continuação o Presidente colocou em votação a aprovação do Parecer, que foi aprovado por maioria, vencidos os votos dos Conselheiros VILHENA, LOESCH, LISBOA e SERGIO. 
Ainda com a palavra, Conselheiro ÍCARO relatou o conteúdo das ALTORÇ Nº 001 a 004 do Departamento Financeiro, e expôs o parecer Nº 036 da Comissão de Finanças favorável à sua ratificação. Não havendo manifestações o parecer foi ratificado por unanimidade.
A seguir, o Conselheiro ÍCARO relatou o conteúdo das ALTORÇ Nº 012 a 013 do Departamento Financeiro, e expôs o parecer Nº 037 da Comissão de Finanças favorável à sua ratificação. Não havendo manifestações o parecer foi ratificado por unanimidade.
Concedida a palavra aos Conselheiros, o Conselheiro LISBOA apresentou suas despedidas do Conselho e agradeceu a amizade e companheirismo que todos tiveram para com ele. O Conselheiro CASALES pediu licença para louvar o Presidente do CD enaltecendo a maneira como conduziu o Conselho e pediu e foi atendido com a saudação de palmas. O Presidente agradeceu. O Conselheiro Vitalício FERNANDO, usou da palavra para, também, tecer elogios ao Presidente MONTEIRO LOPES, que mais uma vez, foi saudado com palmas.
Nada mais havendo a tratar, o Presidente agradeceu a presença dos Conselheiros, em especial dos Conselheiros Vitalícios, deu por encerrada a presente Sessão e convidou os Conselheiros para se reunirem com membros da diretoria do CN para uma confraternização.