Palavras do Presidente 01/2021

   Dirijo-me ao Quadro Social para lamentar profundamente a falta de respeito com que o Comodoro do Departamento Esportivo do Clube Naval e sua digníssima esposa têm sido tratados, acusados de fatos e atitudes mentirosas – sempre de forma covardemente anônima ou com uso de identidade falsa – por pessoa sem caráter que parece frustrado ou incomodado por algumas das duras porém corretas atitudes que têm sido implementadas no nosso Piraquê. Essa pessoa tem se valido de provedores localizados fora do Brasil (República Tcheca ou Suíça) que trabalham em modo criptográfico de modo a esconder a origem das mensagens. São provedores já conhecidos das autoridades brasileiras e que são usados para a disseminação de falsas notícias, as chamadas “fake news”. 

    Solidarizo-me com o casal, esperando que o autor das falsas, ofensivas, levianas e covardes acusações – todas apócrifas – possa ser identificado e punido pela Justiça. Para isso, já estamos em contato com o Ministério Público e solicitamos uma rigorosa investigação. Por oportuno, deixo claro a total confiança da Presidência do Clube Naval no Comodoro do Departamento Esportivo, o nosso Piraquê, e reitero que as ações saneadoras implementadas são da responsabilidade deste Presidente e que o nosso Comodoro apenas executou determinações emanadas da Presidência do Clube Naval. 

    Por fim, peço-lhes que não deem crédito a notícias que parecem apenas terem o propósito de perturbar a tranquilidade do nosso convívio social e, na falta de coragem moral, defender opiniões com a utilização do anonimato, atitude incompatível com as nossas tradições.

Eduardo Monteiro Lopes
Presidente do Clube Naval