Resumo da Ata da 3ª Sessão Ordinária - 30/08/2017

      1. Quórum.

      Com a existência de quórum regulamentar determinado pelo Art. 104 do Estatuto do Clube Naval, o Presidente do CD abriu a Sessão Ordinária.

      2. Leitura, discussão, aprovação e assinatura da Ata da Sessão anterior.

     O Presidente do CD abriu a Sessão e, em seguida, solicitou ao 2º Secretário que efetuasse a leitura da Ata da Sessão anterior.

     Ao término da leitura, o Presidente do CD colocou a mesma em discussão. Não havendo manifestações a Ata foi aprovada por unanimidade.
 

     3. Posse de Conselheiro.

     O Presidente do CD deu posse aos Conselheiros, VAlte.(Ref) Luiz Augusto CORREIA, CAlte.(IM-Ref) Luiz Antônio da Silva LIMA VAlte.(RM-1) Domingos SÁVIO Almeida Nogueira e  CMG (RM-1) PAULO HENRIQUE de Carvalho.
 

     4. Ordem do Dia.

     I)Deliberar sobre o Relatório Anual do Presidente do Clube  naval  e  Parecer  do  Conselho Fiscal sobre a Tomada de Contas do Exercício Financeiro, referente a todos os órgãos e Departamentos, consoante o disposto no Artigo 67, inciso XIX, do Estatuto do Clube Naval.

    O Presidente do CD passou a palavra ao CMG (IM-Ref) HAROLDO Rodrigues da Cunha Fonseca, Presidente do Conselho Fiscal do Clube Naval, que apresentou o Parecer da Tomada de Contras Anual de junho de 2016 a maio de 2017. Apresentou com auxílio de gráficos e tabelas a distribuição do orçamento e, também, os índices de liquidez e solvência. Finalizou seu parecer com as recomendações para melhorar a execução orçamentária do DNCN. Colocado o item em discussão, manifestou-se o Conselheiro SERGIO, que foi respondido pelo Comte. HAROLDO. Colocado em votação, o Parecer do Conselho Fiscal foi aprovado por unanimidade.

    II) Deliberar sobre os Pareceres do Conselho Fiscal/Comissão de Finanças quanto aos Balancetes do mês de junho de 2017, apresentados pela Diretoria e Departamentos do Clube, seguidos de informações do Fundo Especial da CHI, do mês de junho de 2017.

   O Presidente passou a palavra, ao Conselheiro ÍCARO Passos, Presidente da Comissão de Finanças (CF), que explanou os trabalhos daquela Comissão. Em seguida, passou a palavra ao Conselheiro NIGRO, que relatou, por intermédio de gráficos e tabelas, os valores da execução orçamentária da SEDE, DECN, DNCN, CABENA, PACN e CHI. Terminou apresentando o Parecer 001/2017 da CF. Colocado em discussão, manifestaram-se os Conselheiros SOARES e SERGIO, que foram respondidos pelos Conselheiros ÍCARO e NIGRO. Colocado em votação, o Parecer foi aprovado por unanimidade.

   II) Deliberar sobre a alteração ao Orçamento do CN – exercício 2017/2019 – (ALTORÇ 002 e 003 do PACN) aprovadas pela Diretoria do Clube (ratificação pelo Conselho Diretor).

  O Conselheiro ÍCARO expôs o conteúdo das ALTORÇ e apresentou o Parecer nº 002/2017 da Comissão de Finanças, recomendando sua ratificação. Colocado em discussão, manifestou-se o Conselheiro SERGIO, que foi respondido pelo Conselheiro ÍCARO. Colocado em votação, o Parecer 002/2017 foi aprovado por unanimidade.

  5. Comunicações e Propostas.

  O Presidente do CD informou que o Diretor da CHI foi convidado para fazer uma exposição sobre a situação e trabalhos daquele Departamento.
Comunicou, também, que solicitará à Comissão de Legislação e Justiça que faça uma proposta de atualização do Regimento Interno do Conselho Diretor.
Participou ainda que o Conselheiro EDÉSIO solicitou seu desligamento do Conselho Diretor.

  Aberta a palavra ao plenário, o Conselheiro CASCARDO apresentou uma carta para ser distribuída aos Conselheiros acerca do assunto “Nau Capitânia”. O Presidente tomou a palavra informando que existe uma decisão do Conselho Diretor, em Sessão Ordinária de 31/03/2010, estabelecendo que o assunto “Nau Capitânia” estava esgotado para discussão no âmbito do Conselho Diretor. Complementou asseverando que o tema somente poderia ser novamente discutido se o Conselho decidisse, por votação, retornar ao assunto. Colocado em votação o retorno ao tema “Nau Capitânia”, a decisão de 31/03/2010 de não retornar ao tema foi mantida por maioria absoluta, com votos em contrário dos Conselheiros CASCARDO, SOUSA COUTINHO, LISBOA, SOARES e SERGIO.

  Em seguida, o Conselheiro JUPY fez um elogio aos trabalhos de manutenção e restauração do prédio da Sede Social pelo CMG (Ref) SPRANGER, Diretor do Departamento Social.

  6. Encerramento.

Nada mais havendo a tratar, o Presidente agradeceu a presença de todos e deu por encerrada a presente Sessão.